Brasilidium gravesianum (Rolfe) Campacci

Espécie endêmica do Brasil, presente no Cerrado e na Mata Atlântica nos estados das regiões Nordeste (Paraíba, Pernambuco, Bahia), Sudeste (Minas Gerais, Espírito Santo, São Paulo, Rio de Janeiro) e Sul(Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul).

Esta orquídea tem pseudobulbos reduzidos arroxeados cobertos com marrom contendo duas folhas apicais e inflorescência que sai da base alcançando de 30 a 45 cm de comprimento e portando de 8 a 16 flores.

O seu cultivo tem sido observado por nós em troncos de sabiá (Mimosa caesalpiniifolia Benth.). Gosta de bastante luminosidade e drenagem eficiente.

Não consta na lista de plantas ameaçadas do ministério do meio ambiente em 2008.

Cultivo: Manuel Ximenes | Foto: Jorge Melo

Referências

Barros, F. de, Vinhos, F., Rodrigues, V.T., Barberena, F.F.V.A., Fraga, C.N., Pessoa, E.M. 2012. Orchidaceae in Lista de Espécies da Flora do Brasil. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. (http://floradobrasil.jbrj.gov.br/2012/FB011223).

http://www.orchidspecies.com/oncgravesianum.htm

2 comments on “Brasilidium gravesianum (Rolfe) Campacci

  1. Parabéns pelo site e principalmente pela divulgação das espécies de orquídeas, que enriquece meu conhecimento. Na semana passada estive no interior do Município de Capoeiras/PE e registrei em fotos, uma espécie de planta aquática florida, em um pequeno ambiente com água represada nas pedras localizada em grande altitude (não era fonte de rio nem lago). As flores são muito semelhante a forma da flor de orquídea, com provável labelo definido em destaque e com as pétalas bem distribuídas e simétricas muito semelhante de uma orquídea.
    Gostaria de enviar as fotos para vocês analisarem, se é possível ser uma orquídea aquática ou simplesmente uma falsa orquídea. Pesquisei em vários sites e não apareceu nenhuma semelhança da flor que fotografei, tanto para os gêneros de plantas aquáticas, como para o gênero de orquídeas aquáticas, apenas encontrei na pesquisa uma rara espécie de orquídea aquática denominada Habenaria Repens. Aguardo resposta com o e-mail da ASSOPE para que eu possa enviar as fotos da planta com flores.

  2. No mesmo município de Capoeiras que comentei anteriormente, registrei também vários gêneros de orquídeas (Brasilidium gravesianum com diversos formatos de flores, que confundi com as oncidiuns; também registrei muitas brassavolas nas pedras, algumas catassetium nas palmeiras nativas e outra orquídea semelhante a renanthera, com folhagem menor vegetando nos arbustos dos serrados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *